Aceitar e respeitar as limitações.

Aqui a Erika fala muito bem, de aceitar e respeitar as nossas dores, de não menosprezados nossos sentimentos. E que diante de algumas situações da vida é normal sentir tristeza e raiva.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *